(Divulgação: One Direction | Fabulous)
Entretenimento,  Música

10 ANOS DE ONE DIRECTION | RELEMBRE E COMEMORE!

10 anos de One Direction! DEZ ANOS! UMA DÉCADA cantando as músicas como se eu ainda tivesse 17 anos. 10 anos sem superar o sofrimento que às vezes eu nem tinha, mas estava lá sentindo enquanto ouvia cada refrão, com as melhores (e mais toscas, mas que a gente ama) coreografias que uma boy band já performou. Como não amar One Direction?

Tenho certeza que se você é fã, tem alguma história que você guarda relacionada aos meninos, porque eu tenho. Além de ter usado as músicas pra me curar de algumas situações e propriamente me divertir, criei um relacionamento com minha avó materna através das músicas dos meninos. Ela assistiu aos episódios do The X Factor comigo, e claro, torcia para os meninos. Ta achando que parou por aí? Não mesmo. Lá atrás, quando os meninos lançaram o DVD ‘Up All Night: The Live Tour’, cansei de contabilizar quantas vezes assistimos ao show juntas, cantando e dando risadas. A favorita dela? A música do airiri, mais conhecida como ‘One Thing’. Calma, vou explicar. Sabe o trechinho do refrão? “I don’t, I don’t, don’t know WHAT IT IS – pega esse inglês aí e não me fala que ela arrasou hahaha.

Só sei que nestes 10 anos de One Direction, eu ainda canto ‘What Makes You Beautiful’ aos berros, danço com ‘Live While We’re Young’, choro com ‘Little Things’, sofro com ‘They Don’t Know About Us’, dou risada com o trocadilho de ‘Rock Me’, acho o videoclipe de ‘Best Song Ever’ genial, piro com ‘Diana’, canto ‘Midnight Memories’ com toda a força dos meus pulmões, interpreto ‘You & I’, faço o desodorante de microfone em ‘Don’t Forget Where You Belong’, finjo que estou tocando durante ‘Ready To Run’, pulo durante ‘Where Do Broken Hearts Go’, fico com a cara de boba durante ‘18’, acendo o esqueiro com ‘Fools Gold’, me imagino no videoclipe de ‘Night Changes’, adoro a perversão de ‘No Control’, pago de doida no meio do trânsito cantando ‘Stockholm Syndrome’ aos berros, fecho os olhos em ‘Once in a Lifetime’, tenho pena dos meus vizinhos quando começa ‘Hey Angel’, viciei meus sobrinhos em ‘Drag Me Down’, acho ‘Perfect’ zero defeitos, ainda espero pelo videoclipe de ‘Infinity’, sinto a dor de ‘Long Way Down’ como se fosse minha, faço um show particular ao som de ‘Never Enough’, ainda erro a letra de ‘Olivia’, me sinto numa discoteca com ‘What a Feeling’, estouro a caixa de som quando começa ‘Love You Goodbye’, morro de amores por ‘I Want to Write You a Song’, bato palma com ‘History’, viajo com ‘Walking in the Wind’ e passo mal com ‘A.M.’.

Nestes 10 anos de One Direction, o meu único lamento é de infelizmente não ter tido a oportunidade de vê-los ao vivo, nem mesmo em suas carreiras solo, é um desejo que ia realizar em 2020, mas devido a pandemia, foi adiado mais uma vez. Enquanto esperamos tudo se normalizar, bora relembrar alguns momentos da carreira da banda? Então vem comigo.

O INÍCIO DE TUDO | THE X FACTOR (Especial 10 anos de One Direction)

Em 2010, os meninos fizeram audições solo para o ‘The X Factor’, um programa de talentos da televisão britânica, com o intuito de encontrar novas estrelas no mundo da música. Bora relembrar:

LIAM PAYNE (Cry Me a River)

Liam era o único membro do grupo que já havia participado do The X Factor, no ano de 2008. Na época, o cantor conseguiu avançar no programa, mas foi eliminado por Simon Cowell antes de alcançar a etapa de votação pública, por acreditar que ele era jovem demais, apesar do talento.

Liam esperou dois anos para tentar uma nova oportunidade, e em 2010, se apresentou novamente com a canção clássica ‘Cry Me a River’, de Arthur Hamilton, e foi ovacionado de pé pelo público.

Especial 10 anos de One Direction – Assista a audição de Liam Payne no link abaixo: ↓

HARRY STYLES (Isn’t She Lovely)

(Reprodução: Harry Styles | The X Factor UK)

Aos 16 anos, Harry também escolheu um clássico pra se apresentar no programa. Com ‘Isn’t She Lovely’, de Stevie Wonder, ele conseguiu 2 votos para prosseguir na competição.

Na época, Styles trabalhava em uma padaria na cidade de Holmes Chapel, onde cresceu, e era o vocalista principal de uma banda local que mantinha com os amigos de escola chamada ‘White Skimo’.

Especial 10 anos de One Direction – Assista a audição de Harry Styles no link abaixo: ↓ 

NIALL HORAN (So Sick)

(Reprodução: Niall Horan | The X Factor UK)

Niall é o único membro da One Direction fora da Inglaterra. Com bom humor, o irlandês de Mullingar, apresentou a música “So Sick” do cantor Mario e recebeu 3 votos de confiança de 4 dos jurados, passando para a próxima fase.

Especial 10 anos de One Direction – Assista a audição de Niall Horan no link abaixo: ↓ 

LOUIS TOMLINSON (Hey There Delilah)

(Reprodução: Louis Tomlinson | The X Factor UK)

O membro mais velho do grupo apresentou “Hey There Delilah”, da banda The Plain White T’s para os jurados e recebeu sim de todos na época.

No DVD ‘One Direction This Is Us’, de 2013, Louis tira sarro de si mesmo falando que a primeira audição dele foi horrorosa e que ele assassinou a música. HAHAHAHA

Especial 10 anos de One Direction – Assista a audição de Louis Tomlinson no link abaixo: ↓ 

ZAYN MALIK (Let Me Love You)

(Reprodução: Zayn Malik | The X Factor UK)

Provavelmente o membro mais tímido do grupo, Zayn apresentou a música “Let Me Love You” do cantor Mario e recebeu 3 votos dos 3 jurados para seguir na competição.

Recentemente foi revelado que Malik havia originalmente se inscrito para a temporada de 2009, mas não conseguiu competir, pois estava muito nervoso.

Especial 10 anos de One Direction – Assista a audição de Zayn Malik no link abaixo: ↓ 

A FORMAÇÃO DO GRUPO (23/07/2010)
(10 anos de One Direction)

Após a seleção das audições solo, Liam Payne, Harry Styles, Niall Horan, Louis Tomlinson e Zayn Malik foram desclassificados na fase bootcamp, porém, os jurados achavam que eles eram talentosos demais para serem descartados (ufa, sorte a nossa). Foi assim que Nicole Scherzinger, que atuava como jurada na época, teve a ideia de resgata-los, porém, como um grupo. Assim nasceu a banda One Direction.

(Reprodução: One Direction | The X Factor UK)
O exato momento em que os jurados do The X Factor decidiram resgata-los da eliminação e coloca-los como um grupo no programa | (Reprodução: One Direction | The X Factor UK)

A PRIMEIRA APRESENTAÇÃO COMO BANDA (02/10/2010)

A primeira apresentação que tiveram como um grupo foi na casa de Simon Cowell, o mentor da banda na época do programa, onde cantaram a música ‘Torn’ de Natalie Imbruglia’s.

O grupo não venceu a competição, tendo ficado em terceiro lugar, mas ganhou grande popularidade durante este período, despertando o interesse da gravadora de Simon Cowell, a Syco, que assinou contrato com a banda.

O PRIMEIRO SINGLE / VIDEOCLIPE (19/08/2011)

O single de estreia foi nada mais nada menos do que “What Makes You Beautiful”, em outubro de 2011. A popularidade do hit foi gigantesca, elevando a música para o topo das paradas de diferentes países rapidamente e ganhando diversos prêmios na indústria musical posteriormente. Até a data de fechamento desta postagem, o videoclipe tinha cerca de 1.169.433.485 visualizações. Wow!

O ÁLBUM DE ESTREIA ‘UP ALL NIGHT’ (18/11/2011)

O álbum ‘Up All Night’ estreou em primeiro lugar em diversos países. No Reino Unido ele se tornou a venda mais rápida de um álbum de estreia de 2011. Um mês depois, eles iniciavam sua primeira turnê no Reino Unido e na Irlanda.

VIDEOCLIPE DE 'GOTTA BE YOU' (11/11/2011)

It’s gotta be yoooooooooooooo, only yoooou ouu uuuuu!
Não tem nem como ler o nome dessa música sem cantar, sério. ‘Gotta Be You’ foi o segundo single do primeiro álbum da One Direction, lançado em 11 de novembro de 2011. A música alcançou o terceiro lugar das paradas no Reino Unido e na Irlanda. O videoclipe, dirigido por John Urbano, foi filmado em outubro de 2011 e lançado em 8 de novembro do mesmo ano.

VIDEOCLIPE DE ‘ONE THING’ (06/01/2012)

‘One Thing’ foi o terceiro single da banda e uma das canções que mais tenho carinho, por motivos óbvios que mencionei no início do texto.

VIDEOCLIPE DE ‘LIVE WHILE WE’RE YOUNG’ (20/09/2012)

O single ‘Live While We’re Young’ foi o primeiro do segundo álbum de estúdio da boy band. A música teve a maior estreia de um videoclipe na época, com 8.2 milhões de views em 24 horas. Na data de filmagem, eles acamparam no set de filmagens para a gravação do vídeo, dirigido por Vaughan Arnell.

VIDEOCLIPE DE ‘LITTLE THINGS’ (02/11/2012)

Quem escutou ‘Little Things’ e não se derreteu, escutou errado. O segundo single do novo álbum foi escrito pelo músico britânico, Ed Sheeran e Fiona Bevan. A música se tornou o segundo single a se tornar número 1 no Reino Unido. IMPOSSÍVEL não amar ‘Little Things’, na moralzinha.

O SEGUNDO ÁLBUM ‘TAKE ME HOME’ (09/11/2012)

Em menos de um ano depois, a One Direction lançou seu segundo álbum e se tornou a primeira boy band nos Estados Unidos a alcançar dois álbuns em primeiro lugar no mesmo ano. ‘Take Me Home’ também se tornou o 4º melhor álbum vendido de 2012, tendo estreado em 1º lugar no Reino Unido e nos EUA, alcançando o primeiro lugar em mais 35 países.

VIDEOCLIPE DE ‘KISS YOU’ (07/01/2013)

A banda lançou o videoclipe oficial de ‘Kiss You’, o terceiro single do segundo álbum. O vídeo se tornou icônico pelas fortes influências de The Beach Boys e Elvis Presley, dirigido mais uma vez por Vaughan Arnell.

COMIC RELIEF – ONE WAY OR ANOTHER (20/02/2013)

Talvez um dos trabalhos mais importantes que fizeram quando eram um grupo. Os meninos fizeram um cover da música ‘One Way Or Another (Teenage Kicks)’ com a intenção de arrecadar fundos para a organização britânica de caridade, Comic Relief, fundada em 1985 por Richard Curtis, Jane Tewson e alguns amigos, que tiveram a ideia de usar a comédia para arrecadar dinheiro e transformar vidas.

TAKE ME HOME – TURNÊ MUNDIAL (23/02/2013)

A banda dá início a sua primeira turnê mundial, com cerca de 123 shows em vários países pelo mundo, tendo vendido 300 mil ingressos em menos de um dia no Reino Unido e Irlanda. Eles também esgotaram a 02 Arena em Londres por seis noites. A turnê teve início em 23 de fevereiro de 2013 e finalizou em 3 de novembro do mesmo ano no Japão. A turnê foi o pano de fundo para o filme deles: ‘One Direction: This Is Us’.

(Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)
Especial 10 anos de One Direction - (Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)

VIDEOCLIPE DE ‘BEST SONG EVER’ (22/07/2013)

Sem dúvida um dos videoclipes mais memoráveis e engraçados que a One Direction já gravou. Quem não se lembra dos executivos de estúdio Harvey (Niall) e Jonny (Louis), da assistente Sexy (Zayn), do Marcel – o cara do marketing (Harry) e do coreógrafo Leeroy (Liam)? Não seria pra menos, já que o clipe foi escrito por James Corden e Ben Winston.

‘Best Song Ever’ quebrou o recorde de visualizações com 10,9 milhões em 24 horas.

PREMIÈRE DO DOCUMENTÁRIO:
ONE DIRECTION THIS IS US (20/08/2013)

A turnê mundial rendeu a captação de momentos importantes na carreira dos meninos nestes 10 anos de One Direction. Em 20 de agosto de 2013, houve a première do primeiro documentário da banda, dirigido por Morgan Spurlock. Mais de 70 mil fãs estiveram presentes no show que foi gravado para o filme, na London’s Leicester Square. Pra quem nunca assistiu e deseja rever, aproveita que tem disponível na Netflix 💙

(Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)
Especial 10 anos de One Direction - (Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)

LANÇAMENTO DO DOCUMENTÁRIO PARA O PÚBLICO (29/08/2013)

O documentário ‘One Direction: This Is Us’ apresenta ao fãs um filme com performances da ‘Take Me Home Tour’, cenas de backstage da turnê e entrevistas exclusivas que mostram um pouco de suas vidas pessoais.

VIDEOCLIPE DE ‘STORY OF MY LIFE’ (03/11/2013)

‘Story Of My Life’ talvez seja um dos videoclipes mais pessoais da banda e com uma aproximação íntima de suas vidas pessoais e familiares. A música foi escrita pela banda em parceria com Julian Bunetta, Jamie Scott e John Ryan. A atmosfera do clipe é imersiva e nos aproxima da trajetória dos meninos, desde a infância.

1D DAY! (23/11/2013) - Especial 10 anos de One Direction

1D Day foi um evento online por meio de livestream no Youtube, promovida pela banda com cerca de 7 horas para celebrar o pré-lançamento do álbum ‘Midnight Memories’. O dia especial contou com várias atividades interativas envolvendo os membros da banda e os fãs com performances, sketches, trechos exclusivos das tracks do álbum, celebridades como convidados especiais, ‘payne train’ de luta livre, truques de mágicas e desfiles – claro que tudo com aquele humor que só eles têm.

MIDNIGHT MEMORIES (25/11/2013)

‘Midnight Memories’ estreou em primeiro lugar no Reino Unido e nos EUA, transformando a banda no primeiro grupo a estrear em 1º na Billboard 200 com os primeiros três álbuns. Os meninos estiveram envolvidos nos processos de composição das músicas e o CD se tornou o mais vendido no mundo em 2013.

VIDEOCLIPE DE ‘MIDNIGHT MEMORIES’ (31/01/2014)

Vai me falar que você não deu umas risadas com as velhinhas do videoclipe? hahaha os meninos se divertem por Londres durante uma noite com o clipe que leva o título do terceiro álbum de estúdio da banda.

VIDEOCLIPE DE ‘YOU & I” (18/04/2014)

Uma das músicas mais fofas dos últimos 10 anos da One Direction, e você não pode negar. O Harry acredita que a música seja sobre ser inseparável, como se nada pudesse ficar no seu caminho e de quem você ama; é sobre acreditar e não desistir. Já Liam relatou uma vez que a música é sobre o relacionamento deles com os fãs, pois nada seriam sem a base de quem os apoia. Ouwn 💙

WHERE WE ARE TOUR (25/04/2014)

Nesta data a banda iniciou sua terceira turnê mundial, que os levou em 69 estádios para cerca de 3.4 milhões de fãs, entre abril e outubro de 2014.

(Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)
Especial 10 anos de One Direction - (Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)

DVD ‘ONE DIRECTION: WHERE WE ARE
LIVE FROM SAN SIRO’ (11/10/2014)

Durante a “Where We Are Tour” os meninos gravaram um dos shows da turnê que ocorreu no estádio San Siro, na cidade de Milão, na Itália. O DVD registrou a performance da banda, além de cenas exclusivas de backstage e algumas entrevistas.

(Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)
Especial 10 anos de One Direction - (Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)

VIDEOCLIPE DE ‘STEAL MY GIRL’ (24/10/2014)

Ben e Gabe Turner foram responsáveis pela direção do videoclipe do primeiro single do quarto álbum, ‘Steal My Girl’, gravado em um set no deserto da Califórnia, nos EUA. O vídeo leva uma pegada eclética de conteúdo que vai de coreografias com bailarinas a lutadores de sumô, além de contar com a presença ilustre do ator Danny DeVito.

LANÇAMENTO DO QUARTO ÁLBUM: ‘FOUR’ (17/11/2014)

O álbum ‘Four’ estreou em primeiro lugar em 18 países. A One Direction fez história, se tornando o único grupo a ter quatro álbuns lançados em primeiro lugar. Os meninos tiveram grande participação no processo de composição. A música ‘No Control’, apesar de não ter sido escolhida como single, se tornou uma das favoritas dos fãs.

VIDEOCLIPE DE ‘NIGHT CHANGES’ (21/11/2014)

Escutar as músicas, ser fã dos meninos e nunca ter se imaginado num encontro com eles? Ata. Essa foi a sacada inteligente de Ben Winston para dirigir o videoclipe de ‘Night Changes’, que utilizou do sonho de muitas pessoas para propor uma experiência quase imersiva, no que seria ter um encontro com Zayn, Liam, Harry, Louis e Niall. Mas é claro que nem tudo sai como o esperado, o que nos resgata para a realidade de que, afinal de contas, eles também são humanos.

‘ON THE ROAD AGAIN TOUR’
ÚLTIMA TURNÊ ANTES DO HIATUS (07/02/2015)

Não parecia que ia acontecer, mas a ‘On The Road Again Tour’, foi a última antes da banda entrar em hiatos. Nos 10 anos de One Direction, este foi um dos momentos mais tensos que eles já enfrentaram. O primeiro show aconteceu em Sidney, na Austrália e o último em Sheffield, na Inglaterra. Ao todo foram 80 shows pelos EUA, Austrália, Ásia, África e Europa.

(Divulgação/Reprodução: Instagram | Sony Music | Syco Music)
Especial 10 anos de One Direction - (Divulgação/Reprodução: Instagram | Sony Music | Syco Music)

ZAYN SAI DA BANDA (25/03/2015)

Depois de cinco anos, Zayn decidiu deixar a One Direction. Liam, Harry, Niall e Louis continuaram os shows e cumpriram os compromissos com os fãs até o final da turnê e trabalharam no quinto álbum da banda que estava a caminho.

O momento delicado da saída de Zayn afetou a banda e os fãs, que foram pegos de surpresa, mas é preciso respeitar a decisão de que Malik já não se sentia feliz como estava. É preciso lembrar que por mais que não seja fácil entender algumas ações e decisões até os dias atuais, somente os meninos sabem o que vivenciaram e é preciso não só prezar, como ter empatia pelas pessoas, principalmente quando a saúde mental delas é afetada. Posso dizer que como fã, algumas atitudes e posicionamentos de Zayn me chateiam, mas está longe de mim julga-lo pelo o que quer que seja. Os olhos dos fãs sempre ficam distantes da realidade do backstage – lembrem-se disso.

Na época a banda fez uma nota oficial em suas redes sociais:

“Depois de cinco anos incríveis, Zayn Malik decidiu deixar a One Direction. Niall, Harry, Liam e Louis continuarão como um grupo de quatro peças e estão ansiosos para os próximos shows da turnê mundial e estão gravando o quinto álbum, que será lançado mais tarde este ano.

Zayn disse: “Minha vida com a One Direction tem sido mais do que eu sempre pude imaginar. Mas, depois de cinco anos, eu sinto que é o momento certo para deixar a banda. Eu gostaria de me desculpar com os fãs caso eu tenha desapontado alguém, mas preciso fazer o que acho ser certo no meu coração. Eu estou saindo porque eu quero ser um cara normal de 22 anos, que está apto a relaxar e ter um tempo privado fora dos holofotes. Eu sei que tenho quatro amigos que vou levar pro resto da vida, Louis, Liam, Harry e Niall. Eu sei que eles continuarão a ser a melhor banda do mundo.

One Direction disse: “Estamos muito tristes de ver o Zayn partir, mas respeitamos totalmente a decisão dele e enviamos a ele todo o amor para o futuro. Os últimos cinco anos tem sido mais do que incríveis, passamos por muitas coisas juntos, então sempre seremos amigos. Nós quatro continuaremos com a banda. Estamos ansiosos para gravar o novo álbum e ver todos os nossos fãs no próximo palco da turnê mundial.

Simon Cowell disse: “Eu gostaria de dizer obrigado ao Zayn, por tudo que ele fez pela One Directoin. Desde que conheci Zayn em 2010, eu me tornei muito, muito e imensamente orgulhoso dele. Eu assisti ele adquirindo confiança e lamento muito por ve-lo partir. E em relação a One Direction, os fãs podem ter certeza de que Niall, Liam, Harry e Louis estão muito animados para o futuro da banda.”

(Divulgação/Reprodução: Instagram | Sony Music | Syco Music)
Especial 10 anos de One Direction - (Divulgação/Reprodução: Instagram | Sony Music | Syco Music)

A PRIMEIRA APARIÇÃO PÚBLICA SEM ZAYN (14/05/2015)

Talvez não houvesse uma pessoa melhor para ajudar a quebrar o clima de tensão do momento do que o bom humor de James Corden. A One Direction fez sua primeira aparição pública como banda, sem o Zayn, no programa ‘The Late Late Show’, e falaram um pouco sobre o acontecido. E não dá pra esquecer dos meninos jogando dodgeball, mais conhecido no Brasil como queimada ou matança.

VIDEOCLIPE DE ‘DRAG ME DOWN’ (20/08/2015)

De surpresa, a banda lançou o videoclipe de ‘Drag Me Down’, que é claro, explodiu no topo das paradas e se tornou número 1 no Reino Unido. O co-diretor, Ben Turner tem uma opinião valiosa sobre o vídeo: “O que poderia ser mais oposto de ser arrastado para baixo, do que ser lançado no espaço?” – gênio.

O clipe foi gravado na NASA, em Houston, e os meninos tiveram a oportunidade de testar diversos equipamentos verdadeiros de astronautas.

ANÚNCIO DO TÍTULO DO QUINTO ÁLBUM (22/09/2015)

Durante o Apple Music Festival, na London’s Roundhouse, a banda anunciou no palco o título do quinto álbum: Made In The A.M.

VIDEOCLIPE DE ‘PERFECT’ (20/10/2015)

E pra quem ainda tinha dúvidas do sucesso dos meninos, com o hit ‘Perfect’, eles conseguiram quebrar o record dos Beatles e se tornaram a banda com maiores estreias no top 10 da Billboard Hot 100. (wow! É, wow!). ‘Perfect’ deu muito o que falar, por todos os motivos que já conhecemos, mas o mais legal é que ele foi dirigido por uma mulher (YES!), Sophie Muller.

O clipe foi gravado em um hotel, e particularmente, acho a fotografia de ‘Perfect’ a mais bonita de todos os videoclipes dos meninos até hoje. Sem ideias mirabolantes, Muller optou por mostrar um lado mais íntimo dos meninos. Menos é mais – gênio!

O FIM DA ‘ON THE ROAD AGAIN TOUR’ (31/10/2015)

O fim da última turnê da One Direction foi um momento agridoce de ser enfrentado. No último show, os meninos estavam claramente emocionados. Niall chegou a fazer um breve discurso antes de apresentarem a última música da noite: “Eu aprendi muito nos últimos 4, quase 5 anos, que tocamos para mais de 8,5 milhões de pessoas. Eu não sou um matemático, mas isso é MUITA gente. Nós não teríamos conseguido fazer isso se não fosse por cada um de vocês. Nós amamos vocês e o seu apoio tem sido incrível. Nós não podemos dizer a vocês quando nós voltaremos, mas voltaremos em breve”.

Os meninos também agradeceram a todos os compositores e produtores que trabalharam em seus álbuns e a equipe que esteve com eles na estrada durante todos estes anos.

(Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)
Especial 10 anos de One Direction - (Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)

LANÇAMENTO DO SINGLE ‘HISTORY’ (06/11/2015)

History é aquela música que nós amamos e sempre dá pra ouvir com um apertozinho no peito, porque fala muito sobre a trajetória da banda. O single foi o terceiro e último divulgado por eles antes do hiatus. Louis e Liam ajudaram a co-escrever a música ao lado de John Ryan, Julian Bunetta, Ed Drewett e Wayne Hector.

LANÇAMENTO DO QUINTO ÁLBUM: ‘MADE IN THE A.M.’ (13/11/2015)

O lançamento de ‘Made In The A.M.’ teve grande repercussão e estreou como número 1 no Reino Unido, se tornando o segundo álbum a ser mais vendido rapidamente em 2015. Os meninos se dedicaram muito na produção do álbum, inclusive, tiveram participação efetiva na composição das músicas, tendo pelo menos um membro como co-autor em 14 das 17 faixas do CD.

Em inglês, as pessoas utilizam A.M. pra especificar as horas antes do meio dia, e os meninos tiveram a ideia de intitular o último álbum como uma homenagem as longas horas que permaneceram no estúdio no período da manhã.

(Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)
Especial 10 anos de One Direction - (Divulgação/Reprodução: Sony Music | Syco Music)

O VIDEOCLIPE DE ‘HISTORY’ (26/01/2016)

O famoso: “EU NÃO TO CHORANDO! VOCÊ QUEM ESTÁ!”. Como forma de agradecimento aos fãs por todo o suporte ganho ao longo dos anos, a banda lançou o videoclipe de ‘History’, com várias cenas de por trás das cenas dos últimos 5 anos juntos. O vídeo foi dedicado a todos os Directioners ao redor do mundo.

CARREIRAS SOLO

Muita coisa aconteceu desde a saída de Zayn, mas nós não vamos focar nas partes ruins ou desentendimentos da banda. Afinal de contas, dia 23 de julho fez 10 anos que tivemos o privilégio e a sorte de 5 garotos serem apresentados como uma banda que viemos a amar tanto.

Talentosos como são, com suas personalidades diferentes, é claro que eles não deixaram de seguir no mundo da música e do entretenimento. Assim que cada um se despediu da banda, eles seguiram uma trajetória bonita igualmente, e que nós temos orgulho de acompanhar sempre.

ZAYN MALIK

Zayn Malik em 10 anos de One Direction
Especial 10 anos de One Direction

Logo que saiu da banda, Zayn começou a trabalhar em seus projetos solos e fechou contrato com a RCA Records, uma divisão da Sony Music Entertainment, mas devido a questões contratuais que precisava respeitar com a One Direction, só veio a lançar um álbum de estúdio em 25 de março de 2016, o ‘Mind of Mine’, com 18 faixas. Antes do lançamento oficial, Zayn liberou o videoclipe de ‘PILLOWTALK’. O britânico tem trabalhado fortemente na questão visual de sua carreira e nos componentes que envolvem a arte.

Em 2016, Zayn também lançou um livro homônimo, contando um pouco de sua vida como uma espécie de diário, incluindo fotos nunca publicadas, desenhos, letras de músicas e histórias pessoais.

(Divulgação/Reprodução: Zayn Malik | Paralela)
(Divulgação/Reprodução: Zayn Malik - Mind Of Mine | RCA Records | Sony Music Entertainment)

Em 2018, Zayn lançou seu segundo álbum de estúdio, dessa vez com 27 faixas. Apesar do sucesso que alcançou com seu trabalho solos, o cantor nunca saiu em turnê, mas existe uma razão por isso. Zayn passou por alguns traumas desde que a 1D estourou nas paradas e também lida com um transtorno de ansiedade. O Raprosando vive falando sobre saúde mental, e sabemos como é lidar com essa doença, que pode parecer pouca para muitos, mas somente quem a vive entende o quanto ela pode ser impeditiva. Esperamos que Zayn possa voltar a se apresentar nos palcos um dia, quando estiver bem e pronto pra isso.

Neste meio tempo, Malik também se envolveu em alguns trabalhos no mundo da moda e diversas parcerias com outros artistas no mundo da música. Atualmente, o cantor está esperando o nascimento de sua primeira filha com a modelo americana, Gigi Hadid.

(Divulgação/Reprodução: Zayn Malik - Mind Of Mine | RCA Records | Sony Music Entertainment)
(Divulgação/Reprodução: Instagram | Gigi Hadid)

O trabalho mais recente de Zayn foi em parceria com R3HAB e Jungleboi, com a música ‘Flames’:

HARRY STYLES

Harry Styles em 10 anos de One Direction
Especial 10 anos de One Direction

Harry também engatou novos trabalhos assim que saiu da One Direction. Em junho de 2016, o músico assinou contrato com a Columbia Records. Em 07 de abril de 2017, Styles divulgou seu primeiro single, a ‘Sign of the Times’, abrindo portas para o que seria uma carreira solo promissora também.

Em maio do mesmo ano, Harry lançou seu primeiro álbum de estúdio homônimo, com 10 faixas e deu início a sua primeira turnê mundial solo, a ‘Harry Styles: Live on Tour’, que passou pela América do Norte, Europa, Ásia, Austrália e América Latina. O cantor foi muito bem sucedido nas vendas do álbum, assim como na turnê, criando também uma nova base de fãs com um estilo musical diferente do que sustentava com a 1D.

2017 foi um ano agitado para Harry, além da divulgação do álbum e da turnê, o cantor também foi convidado por Christopher Nolan a participar do filme de guerra, Dunkirk, atuando como o soldado britânico, Alex. Achou pouca coisa? Imagina! Ainda no mesmo ano, o britânico divulgou por meio da Apple Music, o documentário “Harry Styles: Behind the Album” de 49 minutos, falando sobre o processo criativo e a produção do seu primeiro álbum.

(Reprodução: Dunkirk | Warner Bros. Pictures)
(Reprodução: Harry Styles | Columbia Records | Sony Music Entertainment)

Em outubro de 2019, após algumas especulações, Styles divulgou o videoclipe de ‘Lights Up’, que alcançou números surpreendentes de visualizações no Youtube. Antes do álbum ser divulgado, o cantor lançou uma versão super bem produzida do videoclipe do single ‘Adore You’. Em 13 de dezembro de 2019, Styles divulgou seu segundo trabalho de estúdio, o álbum ‘Fine Line’, realizando um show no mesmo dia no The Forum, em Los Angeles, para apresentar o novo trabalho. O CD traz uma abordagem ainda mais madura e diferente de Harry, que traz muitas referências da década de 70/80. O próprio cantor revelou ter sentido uma liberdade maior para a composição e produção do álbum, sem o medo de cometer erros e fracassar como sentia no primeiro.

‘Fine Line’ já soma várias conquistas e quebra de recordes. Harry se tornou o britânico com a maior estreia nos EUA da década, e o álbum se consagra como o segundo mais vendido em 2020 no Reino Unido, com mais de 177 mil cópias. A turnê “Love on Tour”, programada pra ter início em 2020 precisou ser adiada devido a pandemia de Coronavírus.

Styles também recebeu grande reconhecimento fora do mundo da música devido as pautas públicas e sociais defendidas por ele. O cantor sempre sai em defesa dos direitos LGBTQI+, das mulheres, contra o armamento, contra o racismo, etc. Harry também conquistou um espaço respeitado no mundo da moda, defendendo inclusive a fluidez entre gêneros.

(Reprodução: Harry Styles | Instagram)
(Reprodução: Harry Styles | Columbia Records | Sony Music Entertainment)

Recentemente, Styles divulgou o videoclipe de ‘Falling’ e ‘Watermelon Sugar’:

NIALL HORAN

Niall Horan em 10 anos de One Direction
Especial 10 anos de One Direction

Niall também já engatou esforços em sua carreira solo depois da banda. No início de setembro de 2016 o irlandês assinou contrato com a Capitol Records e no fim do mesmo mês divulgou o primeiro single solo ‘This Town’, que foi muito bem recebido pelo público. Em 4 de maio de 2017, Horan lançou o segundo single ‘Slow Hands’, que chegou ao top 10 do Reino Unido e top 20 dos EUA.

Antes mesmo do lançamento oficial do primeiro álbum solo, Niall embarcou em uma turnê para promove-lo. “Flicker” foi oficialmente lançado em 20 de outubro de 2017, estreando no topo da Billboard 200 e alcançando o primeiro lugar na Irlanda e Holanda. O estilo do álbum puxa para o folk/pop e tem inspirações como a banda Eagles e Fleetwood Mac. Com um estilo diferente do apresentado nos anos da One Direction, Niall teve uma oportunidade maior de demonstrar seu talento não apenas como cantor, mas como compositor e instrumentalista. Em 2018, o irlandês embarcou em sua primeira turnê mundial, a “Flicker World Tour” e passou por dezenas de países, incluindo o Brasil.

Em setembro de 2019, Niall informou que estava trabalhando em seu segundo álbum de estúdio com o americano, Greg Kurstin, e no mês seguinte, divulgou o primeiro single, “Nice To Meet Ya”, que explodiu nas rádios de vários países e ganhou destaque nas redes sociais. Com estilos completamente diferentes, o segundo single foi lançado em 6 de dezembro de 2019, levando uma balada romântica, enquanto o terceiro single, ‘No Judgment’, lançado em 7 de fevereiro de 2020, se aproxima novamente do pop.

(Reprodução: Niall Horan | Capitol Records)
(Reprodução: Niall Horan | Instagram)

Com um investimento pesado em divulgação, Niall promoveu vários vídeos com pistas sobre o novo álbum para os fãs. ‘Heartbreak Warfare’ foi oficialmente lançado em 13 de março de 2020 e estreou em 4º lugar na Billboard 200 dos EUA e em primeiro no Reino Unido. A ‘Nice To Meet Ya Tour’, que já estava com centenas de datas agendadas para este ano, incluindo o Brasil, precisou ser cancelada devido a pandemia de coronavírus. Niall decidiu cancelar a turnê ao invés de adiar, a fim de proteger não somente os fãs, mas toda a sua equipe de uma possível contaminação, prometendo recompensar os fãs quando voltarmos a ter segurança.

Fora dos palcos, Niall é um apaixonado por esportes e por isso, em fevereiro de 2016, ele fundou a ‘Modest Golf’, uma empresa de gerenciamento de golfe em parceria com Mark McDonnell e Ian Watts. Se você o acompanha com frequência nas redes sociais, você provavelmente já viu o Niall assistindo a algum esporte ou divulgando atletas de diferentes esportes.

Assim como Zayn, Niall também lida com algumas questões envolvendo saúde mental. Em abril de 2018, o irlandês revelou aos fãs o diagnóstico de transtorno de ansiedade e TOC com grau leve.

(Reprodução: Niall Horan | Instagram)
(Reprodução: Niall Horan | Capitol Records)

Recentemente, Niall divulgou o videoclipe de ‘Black and White’ e ‘Heartbreak Weather’:

LIAM PAYNE

Liam Payne em 10 anos de One Direction
Especial 10 anos de One Direction

Assim como os demais membros da One Direction, Liam também seguiu uma linha musical completamente diferente da ex-banda, com um estilo que vagueia entre o pop, o hip-hop e R&B. Em maio de 2017, Liam lançou o primeiro single de sua carreira solo, “Strip That Down”, que contou com a participação de Quavo, e divulgou o clipe em 1º de junho do mesmo ano.

Ao sair da One Direction, Liam trabalhou em algumas canções específicas, muitas em parcerias e as lançou ao longo dos últimos anos. Depois do primeiro single, Payne divulgou videoclipes de ‘Bedroom Floor” em 6 de novembro de 2017, ‘For You’ com Rita Ora em 26 de janeiro de 2018, ‘Familiar’ com J Balvin em 4 de maio de 2018, ‘First Time’ com French Montana em 20 de setembro de 2018, ‘Stack It Up’ com Boogie Wit Da Hoodie em 18 de setembro de 2019 e ‘Live Forever’ em 6 de dezembro de 2019.

(Reprodução: Liam Payne | Instagram)
(Reprodução: Liam Payne | Instagram)

Neste meio tempo, Liam se tornou pai em 22 de março de 2017, após o nascimento do primeiro filho, o pequeno Bear, com a ex-namorada Cheryl Cole. Mas nem tudo foram flores desde então, já que o cantor enfrentou vários problemas sérios envolvendo depressão, ansiedade e problemas com alcoolismo. Em 2019, perto do lançamento de seu primeiro álbum solo, o cantor falou abertamente sobre essas questões em algumas entrevistas, que aprendeu a se cuidar e a procurar ajuda para essas questões.

Em 6 de dezembro de 2019, Liam lançou seu primeiro álbum da carreira solo, o “LP1”, pela gravadora Capitol Records, com 18 faixas, sendo algumas delas já conhecidas pelos fãs por terem sido divulgadas anteriormente. Payne revelou que o álbum foi lançado exatamente como ele gostaria que seu primeiro trabalho solo profissional fosse, principalmente porque contou com referências e inspirações como Usher e Justin Timberlake.

O trabalho mais recente de Payne foi em parceria com o DJ Alesso. Eles lançaram o videoclipe de ‘Midnight’ em 8 de abril de 2020, mas como o próprio vídeo especifica, tudo foi gravado em março deste ano durante a quarentena, estando Alesso em Los Angeles e Liam em Londres.

(Reprodução: Liam Payne | Instagram)
(Reprodução: Liam Payne | Universal Music Operations Limited)

Recentemente, Liam divulgou o videoclipe de ‘Black and White’ e ‘Live Forever’:

LOUIS TOMLINSON

Louis Tomlinson em 10 anos de One Direction
Especial 10 anos de One Direction

O primeiro membro a se tornar papai na banda, também esteve trabalhando nos últimos anos pós-banda, e não foi pouco, e olha que Louis passou por muitos momentos tensos desde então.

Em 2015, Tomlinson foi convidado para participar da temporada do The X Factor como jurado convidado de Simon Cowell. Em 21 de janeiro de 2016, Louis se tornou o primeiro membro da One Direction a se tornar pai, depois do nascimento de Freddie Reign Tomlinson com a ex-namorada, Briana Jungwirth.

Em 10 de dezembro de 2016, o britânico lançou ‘Just Hold On’, em parceria com o DJ americano Steve Aoki e se apresentou com ela no palco do The X Factor, como sua primeira apresentação solo e a dedicou para a mãe, recém falecida na época. Johannah Deakin faleceu em 7 de dezembro de 2016, após uma longa batalha contra a leucemia. Dá pra imaginar de onde Louis tirou forças para se apresentar naquela presente data?

A repercussão da música foi positiva e chegou a segunda posição como single no Reino Unido, e ficou em número um na tabela de vendas da Billboard na categoria Dance e Música Eletrônica Digital. Em 21 de julho de 2017, Louis divulgou o videoclipe do single ‘Back to You’ gravado em parceria com Bebe Rexha e Digital Farm Animals, seguido pelo lyric vídeo do single ‘Just Like You’, em 17 de outubro de 2017 e ‘Miss You’ em 8 de dezembro de 2017.

(Reprodução: Louis Tomlinson | Instagram)
(Reprodução: Louis Tomlinson | Instagram)

Louis assinou contrato com a gravadora Epic Records em junho de 2017, e revelou que seu primeiro álbum teria influências de Oasis e Artic Monkeys. Mas antes de lançar o álbum, Louis voltou a ser convidado para o The X Factor, dessa vez como novo jurado ao lado de Robbie Williams, Simon Cowell e Ayda Field, e advinhem, ganhou a edição do programa com o competidor Dalton Harris.

Em 2019, Louis transitou da Epic Records para a Arista Records, mas permanecia assinado pela Syco Records. Em 7 de março de 2019, Louis divulgou o single ‘Two Of Us’, uma música que mesmo antes do cantor declarar, os fãs já haviam entendido que a música seria uma homenagem à mãe. Infelizmente, apenas 6 dias depois do lançamento da música, a irmã de Louis, de apenas 18 anos, Félicité Tomlinson, veio a falecer precocemente devido a uma overdose acidental em 13 de março de 2019. O clipe da canção foi lançado apenas em 16 de maio do mesmo ano, e toda a concepção do vídeo deixa claro que a letra se encaixava no luto do cantor por ambas.

Após se recuperar de duas grandes perdas, Louis buscou conforto na música, como muito bem sabe fazer, e em setembro de 2019 lançou o single ‘Kill My Mind’ durante o Coca Cola Music Experience Festival em Madrid. O clipe da canção foi divulgado no dia 13 do mesmo mês.

Se preparando para o lançamento do primeiro álbum de sua carreira, Louis lançou mais três videoclipes dos singles “We Made It” em 24 de outubro, ‘Don’t Let It Break Your Heart’ em 2 de dezembro de 2019 e ‘Walls’ em 20 de janeiro de 2020. O lançamento oficial do álbum “Walls” aconteceu em 31 de janeiro de 2020, com 12 faixas. O primeiro trabalho solo de Tomlinson alcançou o primeiro lugar no iTunes em mais de 25 países.

Ao dar início a sua primeira turnê solo, tendo tocado em apenas dois lugares, o cantor precisou parar as viagens e adiar as datas dos shows, tendo sido muitos deles esgotados em diferentes países, devido a pandemia de Coronavírus. Em 11 de julho de 2020, Louis anunciou por meio do Twitter que já não mantém contrato com a Syco Music e que já está trabalhando em seu segundo álbum de estúdio.

(Reprodução: Louis Tomlinson | Instagram)
(Reprodução: Louis Tomlinson | Instagram)

Recentemente, Louis divulgou o videoclipe de ‘We Made It’ e ‘Walls’:

10 ANOS DE ONE DIRECTION!

São 10 anos de One Direction, mas essa celebração não acaba nunca. Não sabemos se um dia os meninos retornarão, mas o importante é que tivemos um dia, o privilégio de aproveitar a banda e tudo o que fizeram quando ainda fazia sentido para cada um deles estarem juntos. Como fã, nem sempre entendemos, aceitamos, mas por trás de todo o talento e carisma, existem seres humanos lidando com muita pressão e uma cobrança muito grande. Eu não sei vocês, mas como banda ou em carreira solo, o importante é que eles estejam felizes fazendo música como sempre quiseram, afinal de contas, nós vamos estar sempre aqui para apoia-los, certo? Ainda bem que sempre teremos álbuns, shows, lembranças, fotos e muitos vídeos para reviver momentos únicos que eles nos proporcionaram e agora, podemos aproveitar a peculiaridade de cada um atuando como sempre sonharam em ter liberdade pra fazer.

Ufa! Este post foi o mais longo até hoje no Raprosando e olha que ficou bem resumido, mas eu não podia deixar a história da banda e desses meninos passarem em branco. Espero que vocês tenham curtido e não se apeguem a algum detalhe que deixou passar pelos seus olhos, lembre-se que se fossemos citar absolutamente todas as conquistas deles, ficaríamos aqui para o resto da vida, porque até hoje eles comemoram conquistas que vieram e são frutos de 2010. Mas me conta nos comentários, você tem alguma história marcante relacionada a estes 10 anos de One Direction?

Site oficial em comemoração aos 10 anos de One Direction com toda a trajetória da banda: https://www.10yearsof1d.com

Continue navegando em nosso blog. Para acessar o último post publicado, clique aqui.

Link Amazon:

Ta pensando em aumentar sua coleção? Dá uma olhada nos produtos que selecionamos pra vocês 👆, mas se não encontrou nada do seu interesse, relaxa, você pode procurar o produtinho que você quer clicando AQUI – comprando através do nosso link, sua compra não muda EM NADA e você ainda contribui com o Raprosando

Uma jornalista um tanto quanto nerd, apaixonada por conteúdo, música, filmes, séries e afins. Fundou o blog para dividir as alegrias e as angústias de uma vida que surpreende a cada novo capítulo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.