Entretenimento,  Série e TV

3% | Série da Netflix retorna para sua 3ª temporada

Sua estreia em 2016 não levantou grandes expectativas no Brasil, mas a primeira série brasileira original da Netflix conquistou um sucesso superior no exterior, talvez pelo infeliz complexo de vira-lata que nossa sociedade ainda se empenha em alimentar. A 3ª temporada de 3%, que está disponível na plataforma streaming desde 7 de junho, não traz grandes surpresas, mas entrega uma temporada interessante, ao foco que a todo o momento coloca quem assiste para fazer juízo de valor em relação ao caráter de todos os personagens.

(Divulgação: Netflix)
(Divulgação: Netflix)

A 3ª temporada de 3% nos revela uma nova esperança para os moradores do Continente, a Concha. Após descobrir as verdades por trás da fundação do Maralto, Michele (Bianca Comparato) decide fundar a Concha, como era de desejo de Samira (Maria Flor), que foi impedida ao ser morta pelo ‘casal fundador’, antes ‘trisal’. Ao realizar um acordo com o Maralto, Michele conta com a ajuda de algumas pessoas para dar vida à Concha, como Glória (Cynthia Senek), que decide apoiar a líder, após a morte de Fernando (Michel Gomes). O local sendo receptivo a todos, contanto que cada um possa contribuir de alguma forma para que o local se desenvolva e produza, claramente não se manteria intacto em meio ao caos do Continente e a sujeira do Maralto. Uma tempestade de areia destrói a principal fonte de vida da Concha, o coletor, uma espécie de rede de alta tecnologia originária do Maralto, capaz de coletar água. Sem o coletor, sem água, sem comida = caos. O que coloca a liderança de Michele à prova, obrigando-a a executar o que menos queria para o local que lutou para fundar, um processo de seleção semelhante ao Processo, para decidir quem fica e quem deixa a Concha para a reconstrução da mesma.

3% passa longe das melhores produções já feitas pela Netflix, mas merece o mérito de trazer um conteúdo diferente e que demonstra evolução, mesmo que a passos mais lentos se compararmos com os produtos da gringa. A série abre as portas para que possamos abraçar cada vez mais produções brasileiras.

Acesse nosso último post do blog clicando aqui

NOTA:

TRAILER:

Uma jornalista um tanto quanto nerd, apaixonada por conteúdo, música, filmes, séries e afins. Fundou o blog para dividir as alegrias e as angústias de uma vida que surpreende a cada novo capítulo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.