Filme Jojo Rabbit, de Taika Waititi
Entretenimento,  Filmes

JOJO RABBIT | MARATONA OSCAR

Jojo Rabbit causou diferentes reações no público, alguns que conseguem se conectar diretamente com as metáforas do filme por meio da sátira dramática e outros que ainda se perguntam qual é a real grandeza da narrativa.

O filme nos conta a história do pequeno Jojo Betzler, de apenas 10 anos, que vive na Alemanha durante o Terceiro Reich, liderado pelo líder do Partido Nazista, Adolf Hitler. A inocência de Jojo o mantém numa bolha utópica sobre a realidade do mundo que o cerca, isso só passa a se alterar quando os princípios e ideologias da criança são confrontadas por segredos mantidos pela mãe, Rosie (Scarlett Johansson), como dar asilo a uma jovem judia em sua casa.

Jojo conta com o suporte de um amigo imaginário, uma espécie caricata de Adolf Hitler (Taika Waititi), durante todo o filme, que o ajuda a alimentar o amor desmedido pelo nazismo e o fanatismo pelo ídolo. Toda a ideologia e a paixão pelo sistema começam a cair por terra quando o menino conhece a jovem Elsa Korr (Thomasin Mckenzie), a judia que mora escondida em sua casa. Ambos desenvolvem um relacionamento de repulsa inicial, mas que vai se desfigurando em uma amizade que serve de suporte na situação em que vivem, principalmente após Rosie ser enforcada em praça pública, por traição ao Partido Nazista.

Filme Jojo Rabbit, de Taika Waititi
(Divulgação: Jojo Rabbit | Fox Searchlight)

Rosie não era a única a manter segredos, mentiras rondam a vida de muitos membros da sociedade, incluindo o Capitão Klenzendorf (Sam Rockwell) e Finkel (Alfie Allen), que ao que a narrativa dá a entender, resguardam segredos sobre sua real orientação sexual sob as condições inaceitáveis como membros do Partido Nazista.

Jojo Rabbit tenta nos ensinar lições sobre a vida que por vezes, nos passam despercebidas, mas Waititi foge à regra de que pra isso, a história precise se afundar em um drama pesado ou melancólico, fazendo-o apostar em um enredo leve. A personagem de Scarlett traz um toque despretensioso à história e que faz a diferença no aperfeiçoamento de como a história foi encaminhada para ser contada.

NOTA:

TRAILER:

Continue navegando em nosso blog. Para acessar o último post publicado, clique aqui.

Uma jornalista um tanto quanto nerd, apaixonada por conteúdo, música, filmes, séries e afins. Fundou o blog para dividir as alegrias e as angústias de uma vida que surpreende a cada novo capítulo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.